Humberto Mendes ‘BIG’ reforça Calafell da Espanha

O novo pulmão do Calafell chegou à Catalunha aos 15 anos, o seu ídolo é Pedro Gil e tem concretizado o sonho de jogar na Liga OK da Espanha.

Cheguei a receber propostas para jogar em Portugal, mas nunca me chamaram a atenção. Queria jogar na Liga OK. Era o meu sonho, foram estas as palavras de Humberto Mendes (Luanda, 28 anos) que exalam o entusiasmo de um inconformista.

Não falhou em nenhum torneio internacional que Luanda realizou com várias das melhores equipas do Mundo.

Nas arquibancadas do recinto observou com meticulosidade Reus e Liceo, duas esquadras que admirava. Seu ídolo já tinha nome e sobrenome; o carismático Pedro Gil.

Humberto sentiu o amor pelo hóquei graças ao seu tio, Toy Adão, um dos grandes representantes do hóquei que o país africano deu ao longo da sua história. Mendes queria dar continuidade a esse legado que seu familiar começou e em parte. Ele atendeu às expectativas. Para isso, sim, ele precisava sacrificar o ambiente familiar e rumar a uma aventura arriscada a meio da adolescência.

O antigo treinador espanhol e angolano, Miquel Umbert, ofereceu-lhe a contratação do GEIEG em Girona quando tinha apenas 15 anos e ele não hesitou. Pegou a bagagem e instalou-se na capital Girona com o apoio de uma família que o acolheu quase como um filho.

Naqueles anos passei por todas as categorias possíveis, do juvenil ao senior, Com a maioridade estreou-se na equipa titular do GEIEG, clube com que se ascendeu à Liga OK.

Formado no Petro de Luanda, Humberto da Silva Mendes, passou a trabalhar por uma posição na elite, embora não tenha sido fácil. o treinador Manlleu o recrutou para seu projeto em 2014 e aquela passagem por Osona serviu de trampolim definitivo para a elite.

Fonte:Som d’hoquei

Deixe uma resposta